Quanto custa viajar? Aprenda a fazer essa conta

Quanto custa viajar
Quanto custa viajar

Se tem uma pergunta que faz parte da vida de todo viajante é: “Quanto custa viajar para…?” Afinal de contas, não importa para onde você queira ir, montar um orçamento é fundamental. Entretanto, algumas pessoas, principalmente quem nunca passou por essa experiência, sentem dificuldade nessa etapa do planejamento.

Felizmente, descobrir quanto custa viajar é um processo bem parecido para todo tipo de viagem. É como andar de bicicleta, aprendeu uma vez, não esquece mais. E se até hoje ninguém nunca ensinou você como fazer um orçamento para sua trip, fique tranquilo. Neste post, vamos pegar na sua mão e ensinar o passo a passo. 

Venha com a gente!

Caro ou barato? 

A primeira coisa que precisamos considerar quando vamos montar um orçamento de viagem é que os conceitos de caro e barato são subjetivos. Por exemplo, talvez você ache um absurdo pagar R$ 1.500,00 em uma diária de hotel. Mas para outra pessoa, esse preço pode ser uma bela pechincha.

Por esse motivo, esse cálculo deve ser construído sobre dois importantes pilares: o seu estilo de viagem e capacidade financeira. Se você não abre mão daquele hotel 5 estrelas, dos restaurantes badalados e de fazer os principais passeios turísticos, não espere realizar tudo isso com o mesmo orçamento de um mochileiro. É impossível.

Os conceitos de caro e baratos são relativos na definição de quanto custa viajar
Os conceitos de caro e baratos são relativos na definição de quanto custa viajar

Por outro lado, é possível fazer alguns cortes e alinhar boas experiências a um orçamento mais enxuto. Mas para isso, é preciso ser muito honesto consigo mesmo. Tanto do ponto de vista das expectativas, quanto do seu bolso. Afinal, você não quer voltar frustrado das suas férias ou com uma mega dívida. 

No final das contas você precisa avaliar o que realmente é importante para sua viagem e incluir o preço de cada item no seu orçamento. Assim, com o custo total saberá como proceder. Vai cortar custos? Adiar as férias para poupar mais? Ou quem sabe reduzir um pouco a trip? Essa é uma das grandes vantagens do planejamento financeiro.

O destino é o ponto de partida

Embora o processo de descobrir quanto custa viajar seja basicamente o mesmo para qualquer lugar, definir o destino é muito importante. Afinal, a cidade, estado ou país para onde você pretende ir, distância, época do ano, quantidade de dias e atividades influenciam diretamente no preço final. Por conta do câmbio, os destinos internacionais custam mais do que os nacionais. Assim, dependendo do seu orçamento, você pode procurar lugares para viajar no Brasil.

A escolha no destino é fundamental para essa conta
A escolha no destino é fundamental para essa conta

O que levar em conta para definir quanto custa viajar? 

Depois de escolher o seu destino, chegou a hora de colocar a mão na massa e descobrir de fato quanto custa viajar para lá. Para isso você vai precisar de muita pesquisa, mas fica tranquilo que o Google ajuda e a gente também. Além disso, é sempre bom anotar todos os custos em um só lugar. 

Pode ser num caderninho, planilha ou bloco de anotações do celular. Você escolhe. O importante é ter todas essas informações juntas em um só lugar. Assim, terá uma visão macro do seu orçamento. Dito isto, separamos aqui os principais itens que você precisa pesquisar para montar o seu planejamento de viagem. Confira.

O básico 

As passagens aéreas e hospedagens são os itens que mais pesam no orçamento de uma viagem. Por isso, é sempre bom começar por eles. Uma boa ideia é utilizar plataformas que fazem busca em mais de uma empresa. Assim, você economiza tempo nessa pesquisa. Para os bilhetes, sites como o Skyscanner e Decolar.com são excelentes. 

Já para a hospedagem, o Booking é o mais conhecido. Mas, outras plataformas como Kayak, Expedia e Trivago também oferecem boas opções. Se você pretende usar as suas milhas para viajar sugerimos que utilize o Oktoplus. Esse aplicativo mostra o valor de passagens tanto em reais quanto com pontos. Além disso, indica qual é a melhor escolha. 

Passagem, hospedagem e seguro de viagem devem ser os primeiros itens da sua lista
Passagem, hospedagem e seguro de viagem devem ser os primeiros itens da sua lista

Ainda falando sobre os itens básicos, não podemos esquecer do seguro de viagem. Para muitas pessoas esse é um gasto extra e desnecessário. Entretanto, imprevistos acontecem e podem comprometer, e muito, o seu orçamento. Assim, é imprescindível incluir o valor deste tipo de proteção no seu cálculo. 

Vale lembrar que, se você pretende fazer uma viagem internacional, é obrigatória a apresentação do seguro de viagem. Uma boa dica para economizar com esse item é verificar se o seu cartão de crédito oferece esse benefício. Alguns plásticos contam com excelente cobertura. 

Documentos

Sem documentos a gente não vai para lugar nenhum. Entretanto, dependendo da sua viagem esses itens podem representar um custo a mais. Se você pretende tirar férias fora do Brasil e América do Sul vai precisar de um passaporte. Quem vai para os Estados Unidos, precisa de visto.  Até 30 de maio de 2023, o valor da taxa será de 160 dólares (equivalente a R$791,44). Após essa data, vai passar a custar 185 dólares.

Alguns países exigem mais documentos e isso interfere no cálculo de quanto custa viajar
Alguns países exigem mais documentos e isso interfere no cálculo de quanto custa viajar

Todos esses documentos são pagos e precisam entrar no seu orçamento. Além disso, quem mora em estados ou cidades onde não é realizada a emissão desses papéis, deve calcular também o custo de deslocamento para cidades onde há postos da Polícia Federal e Consulados do país de destino. 

Comer e beber

Uma das partes mais prazerosas de uma viagem é provar a gastronomia do lugar, além de ser uma atividade vital para a nossa sobrevivência. Alimentação é um item um tanto complicado de inserir no orçamento. Afinal, tudo depende das experiências que deseja ter. Assim, um bom ponto de partida é descobrir o custo de vida. 

Sabendo o quanto um morador do lugar gasta por dia com alimentação você terá uma ideia do valor médio para esse item. A mesma ideia se aplica para transporte. Alguns sites como o Numbeo.com  se dedica a coletar dados sobre o custo de vida em várias cidades do mundo para que os viajantes consigam se organizar financeiramente. 

Comer e beber é uma parte importante da experiência de viagem
Comer e beber é uma parte importante da experiência de viagem

É claro que, dependendo do seu perfil, o valor gasto com alimentação e transporte pode ser maior ou menor que a média. Se a sua intenção é visitar restaurantes específicos, uma boa dica é dar uma olhada no cardápio e conferir os preços. Para aqueles que não resistem a uma novidade gastronômica é melhor se prevenir e levar uma quantia extra. 

Passeios

Dependendo do destino escolhido, o viajante tem acesso a muitas atividades gratuitas, o que é maravilhoso. Mas, em outros lugares a diversão está diretamente ligada a passeios pagos, como a Disney, por exemplo. Por isso, durante o planejamento da sua viagem verifique quais são os programas que necessitam de pagamento. 

Passeios pagos podem representar um gasto importante dependendo do seu tipo de viagem
Passeios pagos podem representar um gasto importante dependendo do seu tipo de viagem

Se houver muitas atividades pagas, uma boa dica é tentar fechar um pacote. Assim, você consegue reduzir os custos. Dependendo do seu destino, é ainda mais interessante contratar os passeios na chegada do que pela internet ou agência de viagens. 

Extras

É quase impossível fazer uma viagem e não trazer uma lembrancinha sequer. Mas, até esse item deve entrar no seu orçamento. É bem difícil definir o quanto você pode gastar com esses presentinhos. Assim, o ideal é estabelecer um budget para esses mimos. Por outro lado, se a sua trip inclui fazer compras a situação é um pouco diferente. 

Não esqueça de incluir presentes no seu cálculo de quanto custa viajar
Não esqueça de incluir presentes no seu cálculo de quanto custa viajar

Quem pretende comprar eletrônicos, por exemplo, deve fazer uma pesquisa prévia pela internet. Assim, já pode incluir o custo da aquisição no orçamento. No caso de compras no exterior também é importante avaliar se realmente compensa e se não ultrapassa o limite máximo para exportação.

Quanto custa viajar em moeda estrangeira?

É claro que definir todos os custos já é um adianto para descobrir quanto custa viajar. Entretanto, quando a viagem é para fora do Brasil devemos considerar outro fator na elaboração do orçamento, o câmbio. Como sabemos o real é desvalorizado em relação a moedas como Dólar, Euro e Libra.

Dizem por aí que quem converte, não se diverte. Mas, se você pretende realizar uma viagem para países com moeda mais forte que a nossa, é bom ficar atento ao câmbio. Assim, será possível ajustar o orçamento para que ele continue atendendo às suas expectativas. Outra questão recorrente é como levar o dinheiro para fora do país. 

É importante pensar na conversão entre moedas no planejamento da viagem
É importante pensar na conversão entre moedas no planejamento da viagem

Em países da América do Sul você encontra facilmente casas que fazem câmbio diretamente entre o real e a moeda local. Assim, não é preciso se preocupar em fazer conversões. No caso de viagens para Europa, Canadá e Estados Unidos, é mais interessante fazer a troca ainda no Brasil. Por fim, em lugares mais distantes, o dólar é uma boa opção. 

Descobrir quanto custa viajar não é complicado. Tudo o que você precisa é de um pouco de determinação para fazer as pesquisas necessárias e encontrar o valor de cada item. Além disso, é sempre bom se preparar e levar um pouco mais de grana. Assim, você evita surpresas no meio do caminho. 

Curtiu este post? Então veja outros conteúdos sobre viagem que separamos para você!

Potencialize suas operações

Aprenda a transformar milhas em dinheiro no seu bolso! Conheça conosco as melhores estratégias para lucrar com pontos, aprenda o passo a passo das principais transações deste mercado, e saiba o quanto vai lucrar em cada operação. 

Portanto, clique aqui e conheça os Close Friends do Império, um perfil exclusivo no Instagram feito especialmente para quem quer ganhar uma renda extra.

Cristo Redentor: 5 Curiosidades sobre o monumento icônico Passeios em Paris: 5 opções imperdíveis Melhores praias de Maceió para conhecer em 2024 O que fazer em Maceió: melhores passeios e pontos turísticos