Como acumular milhas: 5 passos para quem quer começar

Como acumular milhas
Como acumular milhas: dicas para começar

Nos últimos anos o mercado de programas de fidelidade tem crescido bastante. Afinal, quem participa dessas plataformas acaba descobrindo um mundo novo de possibilidades, benefícios e claro, mais viagens. Entretanto, para quem está começando a resposta para a pergunta “como acumular milhas?” nem sempre é clara. 

A gente também passou por essa fase e sabe que no começo a ajuda de alguém mais experiente faz toda diferença. Se esse é o seu caso, continue a leitura, pois, nós elaboramos este post com o básico do básico para quem está iniciando e quer descobrir como acumular milhas. 

Vale a pena acumular milhas?

Algumas pessoas podem achar que não há muita vantagem em acumular milhas. Mas, acontece que hoje, várias empresas oferecem esse tipo de programa para os seus clientes gratuitamente. Quem participa tem a chance de acumular alguns benefícios. Ou seja, ao invés de simplesmente pagar por um produto ou serviço é possível ter um ganho extra. 

Dessa forma, você consegue realizar mais viagens sem desembolsar dinheiro, assim como adquirir diversos produtos e serviços. Tudo isso por simplesmente ter feito um cadastro no programa de fidelidade de uma empresa da qual você já era cliente. Resumindo, vale a pena participar dessas plataformas. 

Mas, se você chegou a este post é porque já sabe que esse tipo de programa oferece boas oportunidades e agora precisa aprender como acumular milhas. Bem, juntar esses benefícios não é nenhum bicho de sete cabeças. Contudo, nós separamos 5 passos para quem está começando do zero. Confira!

Participar de programas de fidelidade: o primeiro passo para quem quer aprender como acumular milhas

Quando alguém quer começar a acumular milhas a primeira coisa que deve ser feita é participar de um programa de fidelidade. Como sabemos que a maioria das pessoas pensa em usar esses benefícios para resgatar passagens aéreas, vamos focar nessas plataformas. Atualmente, existem três programas de companhias aéreas no Brasil, o LATAM Pass (Latam), Smiles (Gol) e TudoAzul (Azul).

Assim, se você não está cadastrado em nenhuma deles esse será o seu start. Como é possível se inscrever em mais de um, muitas pessoas se sentem perdidas na hora de fazer essa escolha, o que é bem comum. Entretanto nós temos algumas dicas. A primeira é avaliar com qual das três companhias você mais viajou nos últimos 12 meses. 

Faz muito mais sentido participar do programa de fidelidade vinculado a companhia que você mais gosta. Além disso, leve em conta a reputação da plataforma. Com um pouco de pesquisa na internet já dá para descobrir o que os clientes da empresa acham do serviço. Por fim, verifique a facilidade de resgatar bilhetes com milhas.

Escolha um cartão de crédito que acumule pontos

Não dá para negar que o cartão de crédito é o nosso maior aliado para acumular milhas. Ele nos ajuda a acelerar esse processo. Contudo, nem todo plástico oferece esse benefício. Assim, se você tem um cartão universitário, pré-pago ou que não cobra anuidade é bem provável que ele não junte pontos. Mas não fique triste! 

Felizmente, o mercado financeiro está cada vez mais diversificado e é possível conseguir cartões que acumulam pontos pagando uma anuidade mais em conta e até mesmo sem essa tarifa. Sim, algumas contas digitais oferecem esse benefício gratuitamente ou mediante o pagamento de uma assinatura. 

Neste caso, você deve avaliar se o preço cobrado por esse serviço vale a pena ou não. O importante é que você saiba que existem opções mesmo para quem ganha pouco. Por fim, se você não sabe se o plástico que você usa junta milhas ou não, é possível consultar essa informação na sua fatura ou no site do banco. 

Com relação aos pontos acumulados no cartão de crédito você deve ficar atento a dois detalhes básicos. O primeiro deles é a pontuação oferecida. A maioria dos plásticos juntam 1 milha a cada dólar gasto, ou seja, para saber quanto você está ganhando por mês é preciso converter o valor da sua fatura para dólar. Além disso, saiba qual a validade dos benefícios para evitar que eles expirem antes de serem utilizados. 

Conheça as parcerias entre os programas de fidelidade

As parcerias tornam os programas de fidelidade ainda mais interessantes. Inclusive, é graças a elas que você pode trocar os pontos acumulados nos cartões de crédito por milhas. Assim, quanto mais parceiras a plataforma da companhia aérea tiver, melhor. Dessa forma, você expande o uso dos seus benefícios. 

Além dos bancos as companhias aéreas têm parcerias com programas de fidelidade de hotéis e postos de combustíveis nos quais é possível acumular benefícios para serem trocados por milhas. Da mesma forma, essas empresas oferecem pontos nas compras em várias lojas de consumo e varejo. 

Por isso, quando estiver escolhendo a sua plataforma não deixe de verificar quem são os parceiros do programa de fidelidade. Afinal, são eles quem vão ajudar você a acumular mais milhas. Uma dica importante, saiba qual é a regra de conversão entre o seu cartão de crédito e a companhia aérea. O ideal é que a proporção seja 1:1 — 1 ponto do cartão igual a 1 milha.

Aprenda como acumular milhas em sua próxima viagem

Para quem está aprendendo como acumular milhas nem sempre será possível resgatar passagens com esses benefícios. Mas, a boa notícia é que você pode usar os bilhetes comprados com dinheiro para juntar mais pontos. Assim, sempre que fizer uma viagem não esqueça de incluir o número do programa de fidelidade na reserva. 

Também é possível resgatar as milhas acumuladas com o trecho em até 180 dias após a viagem. Tanto para voos nacionais, quanto internacionais com as companhias parcerias. Esse é o passo mais básico que todo participante de programa de fidelidade deve fazer para juntar pontos. 

Potencialize os ganhos na transferência

No passo três nós falamos das parcerias e da possibilidade de acumular pontos transferindo de um programa para outro. Pois bem, a nossa última dica é muito valiosa tanto para quem está começando a acumular milhas quanto para quem já tem uma certa experiência. Por aqui nós sempre dizemos que toda transferência deve ser feita na oportunidade e não na necessidade. 

Assim, um dos movimentos para quem quer aprender como acumular milhas é aproveitar as promoções de transferência. Nessas ocasiões as plataformas oferecem bônus ao realizar esse tipo de operação. Elas são bem comuns entre os programas de cartões de crédito e companhias aéreas. Com elas os participantes podem ganhar de 30% a 120% de pontos extras.

Funciona assim, suponha que você tenha 10 mil pontos no cartão de crédito e deseja transferir para o programa da companhia aérea. De repente, essas empresas lançam uma promoção com 50% de bônus. Se você realizar a operação durante a campanha vai trocar 10 mil pontos por 10 mil milhas e ainda ganhar 5 mil de bônus. 

Aprender como acumular milhas não é complicado. Neste post vimos que para começar você precisa apenas seguir alguns passos básicos como escolher um programa de fidelidade e um cartão de crédito de ofereça pontos. Além disso, conhecer quem são os parceiros da plataforma, resgatar os trechos voados e aproveitar as promoções de transferência vão potencializar os seus ganhos. 

Agora que você já sabe por onde começar que tal aprender técnicas mais avançadas para acumular milhas? Confira estes conteúdos que nós separamos.