Como avaliar se uma promoção com milhas é boa?

promoção com milhas
Aprenda a avaliar uma promoção com milhas

Se você participa de programas de fidelidade há algum tempo, com certeza já recebeu um convite para participar de uma promoção com milhas. Esse tipo de ação está cada vez mais comum dentro dessas plataformas e atrai a atenção daqueles que desejam potencializar o ganho de pontos. Contudo, é preciso bastante atenção ao aderir a essas campanhas. 

Acontece que nem sempre as ofertas não são tão vantajosas quanto parecem. Para falar a verdade, algumas delas são pura enganação. Assim, para não cair em pegadinhas, é preciso aprender a avaliar essas campanhas. Por isso, neste post elaboramos um guia completo para ensinar você a decidir se uma promoção com milhas é boa ou não. 

Como funciona uma promoção com milhas? 

A primeira coisa que precisamos entender é que existe mais de um tipo de promoção com milhas. Ou seja, antes de participar você deve conhecer a mecânica de cada uma delas. Sendo assim, para começar, vamos falar das principais ações realizadas pelos programas de fidelidade.

Transferência bonificada

Esse é o tipo mais popular de promoção com milhas. Funciona assim, você transfere pontos de um programa para outro, dentro do período promocional e ganha uma quantidade de pontos extras. Geralmente, essas ações acontecem entre cartões de crédito e companhias aéreas. 

Promoção bumerangue Livelo
Promoção bumerangue Livelo

Mas, elas também são realizadas entre postos de combustíveis e aéreas e entre hotéis e companhias aéreas. Há ainda as famosas promoções bumerangue. Nessas oportunidades os participantes podem acumular bônus em dois programas ao mesmo tempo. Por fim, algumas plataformas combinam transferências bonificadas com desconto na compra de pontos.

Acúmulo especial em lojas parceiras

Os programas de fidelidade contam com parcerias com diversas empresas. Dessa forma, seus clientes podem acumular pontos fazendo compras de produtos e serviços. Assim, em algumas ocasiões a quantidade de milhas oferecidas por real aumenta significativamente, potencializando o ganho de quem participa da campanha. 

Compra de milhas

Se você já é leitor do blog, sabe que não recomendamos a compra de pontos. Contudo, em algumas ocasiões há descontos ou bônus para quem realiza essa ação. Assim, nesses casos, dependendo da oferta do programa e dos seus objetivos, a compra de milhas pode sim ser interessante.

Confira outros conteúdos sobre milhas

Transferência entre contas

Outra prática permitida pelos programas de fidelidade é a transferências milhas entre participantes. Nós já falamos sobre esse tipo de transação aqui no blog e, assim como a compra de pontos, ela não é recomendada. Contudo, alguns programas realizam promoções em que é possível acumular bônus e, nesses casos, a operação pode ser vantajosa. 

Reativar milhas

Muitas pessoas acabam deixando as milhas expirarem. Seja por falta de atenção ou porque não consegue acumular quantidade suficiente para resgatar bilhetes aéreos. O fato é que todos os anos bilhões de pontos e milhas voltam para os programas sem terem sido utilizados. Uma pena. 

Reativação de milhas
Reativação de milhas

Contudo, alguns programas permitem que os seus participantes resgatem essas milhas vencidas mediante o pagamento de uma taxa. Você já deve imaginar que pagar por algo que já era seu não faz muito sentido. Contudo, se a oportunidade de recuperar pontos envolve desconto ou bônus, talvez possamos reconsiderar. 

O que levar em conta ao analisar uma promoção com milhas?

Agora que você já sabe quais são os principais tipos de promoção com milhas é preciso entender como avaliar cada uma delas. Pois, só assim será possível dizer se de fato é uma boa oportunidade ou uma pegadinha. Para isso, listamos alguns pontos que devem ser considerados sobre essas campanhas. 

Percentual de bônus ou desconto

Esse é o aspecto que chama atenção de qualquer pessoa quando se trata de uma promoção com milhas. Entretanto, nem sempre a bonificação oferecida dentro de uma campanha se aplica a todos os participantes. É bem comum vermos campanhas de transferência que prometem até 120% de pontos extras, mas que só quem ganha esse percentual são os participantes de clubes ou categorias de elite. 

Quando falamos de transferência de pontos qualquer porcentagem é bem-vinda. Afinal, você não paga nada e de qualquer forma iria realizar a operação. Contudo, a nossa dica é: tente aproveitar as promoções exclusivas, ou seja, entre um único banco e companhia aérea, por exemplo. Nesses casos, a bonificação é maior, mesmo para quem não é cliente elite ou assinante de clube. O mesmo vale para as promoções bumerangue.

Já nas promoções que envolvem pagamento de taxa como por exemplo, compra, reativação e transferência entre contas, a coisa muda de figura. Nessas situações, você deve tentar dobrar a quantidade de milhas acumuladas ou reduzir pela metade o preço da operação. Mais à frente vamos explicar o porquê.

Regulamento da promoção com milhas 

Algumas pessoas se empolgam com a possibilidade de acumular milhas extras que acabam esquecendo de ler com atenção o regulamento da campanha. Acontece que algumas ações são exclusivas para determinados clientes. Por exemplo, é comum os programas realizarem promoções de transferência para clientes de um banco específico. 

O mesmo acontece nas campanhas de compra, transferência entre contas e reativação de milhas. Algumas delas são apenas para assinantes dos clubes ou clientes de categorias de elite. Por fim, nas promoções com acúmulo especial é importante verificar quem pode participar, assim como os produtos elegíveis.

O valor de uma milha na ocasião 

Esse é um ponto importantíssimo, principalmente quando se trata de promoções que envolvem o pagamento de taxas. Quando você participa de uma campanha como por exemplo, compra, transferência e reativação de pontos é preciso saber quanto está custando o valor de uma milha na ocasião. 

De maneira geral, os programas de fidelidade cobram R$ 0,07 por milha. Entretanto, se você decidisse vender esses benefícios receberia entre R$ 0,02 e R$ 0,022 por cada ponto. Assim, uma promoção que envolva o pagamento de taxas só é válida quando o preço a ser pago é igual ou inferior ao que você ganharia caso optasse pela venda.

Assim, para chegar ao valor de um ponto em uma promoção com milhas você precisa fazer algumas contas. No caso de campanhas que oferecem descontos no valor da taxa, basta diminuir o abono do preço original. Por exemplo, se para comprar milhas no TudoAzul você paga R$ 70,00 por milheiro, numa campanha com 70% de desconto vai pagar R$ 21,00. 

Já na reativação de milhas a Smiles cobra uma taxa de R$ 60,00 pelo milheiro, mas oferece 200% de bônus. Sendo assim, suponha que você deseja reativar 5.000 milhas. Nesse caso, vai receber 15 mil pontos ao final da transação. Dessa forma, considerando o montante total de milhas acumuladas podemos concluir que o valor real pago foi de R$ 20,00 por milheiro. 

Veja o cálculo abaixo:

Avaliando uma promoção com milhas
Avaliando uma promoção com milhas

Nos dois exemplos que demos o preço a ser pago por uma milha é igual ou se aproxima do preço médio de venda. Assim, podemos concluir que do ponto de vista de custos essas são promoções que valem a pena participar. Contudo, esse não é o único aspecto que deve ser levado em conta na sua decisão.

Continue aprendendo sobre pontos e milhas

Validade das milhas bônus

A validade das milhas também deve ser considerada. Principalmente em promoções que envolvem o pagamento de taxas. Geralmente, quando você realiza a compra, reativação ou transferência de pontos entre contas o prazo de vigência desses benefícios é inferior ao padrão. Na Smiles, por exemplo, tanto as milhas reativadas quanto os bônus são válidas por apenas 12 meses.

O seu objetivo

Não é porque uma promoção com milhas é vantajosa que ela é para você. Aqui no Império a gente sempre diz que toda a operação envolvendo esses benefícios deve ser feita na oportunidade e não na necessidade. Assim, se você não tem um objetivo claro para aproveitar uma campanha pode acabar tendo prejuízo. 

Por exemplo, imagine que o seu programa está realizando uma excelente promoção de compra de milhas com 150% de bônus. Com certeza é uma ótima campanha, mas a validade dos pontos extras é de apenas 12 meses. Assim, se você não planejar usar essas milhas nesse período é capaz de que elas acabem expirando na sua conta. 

Ou seja, um gasto desnecessário e mal pensado. Por esse motivo, é sempre bom avaliar o quanto uma promoção vai ajudar a chegar mais perto do seu objetivo. Não é porque o programa está oferecendo bônus na reativação de milhas ou transferência entre contas que você deve fazê-lo. 

Como se tornar um expert em promoção com milhas 

Até aqui você conheceu os principais tipos de promoção com milhas e aprendeu que ela só vale a pena quando o preço a ser pago é inferior ao que receberia na venda. Da mesma forma, descobriu que a campanha deve estar alinhada aos seus objetivos e que, em alguns casos, a ação só é interessante se dobrar a quantidade de pontos.

Porém, neste post explicamos apenas os princípios básicos para avaliar uma promoção com milhas. Assim, se você quer se tornar um expert nesse tipo de operação, precisa conhecer a Bíblia das Milhas e Pontos. Nesse e-book você vai aprender tudo sobre programas de fidelidade e milhas aéreas com quem já tem experiência no mercado.

Não perca tempo! Clique no banner abaixo e descubra hoje mesmo como se tornar um expert em promoções com milhas.