Despachar bagagem: esse serviço vai voltar a ser gratuito?

Despachar bagagem
Medida Provisória aprova retorno de gratuidade no despacho de bagagem

Ahh, nada como um dia após o outro, não é mesmo?! Quem é viajante sabe que volta e meia mudanças vão acontecer nas regras das companhias aéreas. Algumas delas podem ser boas outras, nem tanto. Mas a certeza é de que tudo pode mudar. Começamos assim, bem “reflexivos” só para dizer que despachar bagagem pode voltar a ser gratuito! 

É claro que por aqui nós estamos muito felizes com essa novidade. Entretanto, o momento ainda é de cautela. Por isso, elaboramos este post para explicar como fica o despacho de bagagem agora e o que esperar para os próximos meses. Assim, se você vai viajar e está pensando em levar uma mala de 23 kg na próxima viagem, este post é para você! 

Nele vamos contar tudo sobre o possível retorno da gratuidade e mais: quando vale a pena contratar uma franquia de mala de porão e o quanto que cada companhia cobra por esse serviço. Além disso, selecionamos algumas dicas para quem precisa levar mais peso no avião e quer economizar.

Quer aprender tudo sobre bagagem despachada? Então venha com a gente! 

Despachar bagagem vai voltar a ser gratuito mesmo? 

Infelizmente, ainda não podemos dizer com certeza que o despacho de bagagem voltará a ser gratuito. Acontece que, no dia 26 de abril de 2022, a câmara dos deputados aprovou um projeto de lei que prevê o retorno do transporte de malas de porão, sem custo, em voos nacionais. 

Assim, a Medida Provisória do Voo Simples, trata de uma série de medidas que tem como objetivo, modernizar e simplificar o setor aéreo. Durante a votação, o tema despacho de bagagem foi incluído e teve 273 votos a favor e 148 contra. O trecho que trata sobre as malas de porão, visa alterar o Código de Defesa do Consumidor e incluir a cobrança deste item como uma prática abusiva. 

Não é a primeira vez que o Poder Legislativo tenta trazer de volta a gratuidade das bagagens. Entretanto, para que a MP do Voo Simples se torne lei, existe um caminho a ser percorrido. Para virar lei, a Medida Provisória precisa ser aprovado pelo Congresso Nacional. 

Contudo, a MP tem validade de 60 dias, podendo ser renovada por mais 60. Mas, se o texto não for aprovado até 1.º de julho, a Medida Provisória deixará de valer. Assim, o próximo passo é a votação no Senado. Se for aceita sem alterações, o projeto segue para o presidente, Jair Bolsonaro, que pode sancionar ou vetar o despacho gratuito.

Quais são as regras para despachar bagagem agora? 

Enquanto a regra do jogo não muda, você só pode despachar bagagem gratuita se comprar um bilhete com esse serviço incluso na tarifa.  De acordo com a lei em vigor, as companhias aéreas estão desobrigadas pela ANAC a transportar mala de porão em voos nacionais e internacionais de forma gratuita. 

Hoje, cada passageiro tem direito a apenas uma mala de mão de até 10 kg sem custos. Assim, levar mais peso na viagem passou a ser uma questão que requer mais atenção. Aqui no blog nós já temos alguns posts com dicas sobre como otimizar a sua mala de mão para não ter que arcar com esse custo extra. 

Em uma viagem com crianças pode ser mais vantajoso ter uma franquia de bagagem maior
Em uma viagem com crianças pode ser mais vantajoso ter uma franquia de bagagem maior

Mas, e quando uma bagagem de 10 kg não é suficiente? É preciso analisar caso a caso. Assim, a primeira pergunta que devemos responder é com relação à quantidade de dias da nossa viagem. Às vezes a viagem vai durar um mês ou mais, contudo, você tem a possibilidade de lavar as roupas no local. 

Nesses casos, talvez não seja tão necessário despachar bagagem. Por outro lado, se você vai viajar com crianças, ter uma mala maior para organizar tudo pode ser mais prático. Outro fator que pode influenciar na sua decisão é o objetivo da trip. Muitas pessoas vão para o exterior na intenção de realizar compras. 

Ou então, vão para a cidade natal e querem trazer comidas típicas na volta. Assim, ter uma mala de porão é imprescindível. O mesmo vale para quem viaja a trabalho e precisa transportar grandes equipamentos. Resumindo, despachar bagagem só vale a pena quando é impossível levar tudo o que necessário na mala de mão.

Quanto custa despachar bagagem nas companhias nacionais? 

Se você analisou a sua viagem e chegou à conclusão de que vai precisar despachar bagagem, saiba que existe um custo por esse serviço. Além disso, ele pode ser cobrado em três situações diferentes e com preços que variam de acordo com o caso e companhia aérea. Por isso, vamos apresentar aqui as regras das principais empresas em operação no Brasil. 

Azul

Na companhia o valor para despachar bagagem varia de acordo com a quantidade de malas, canal por onde a compra será realizada e destino da viagem. Assim, o custo por esse serviço vai de R$ 40,00 a R$ 220,00. Na Azul, cada cliente pode levar até 5 malas de 23kg em voos nacionais. 

Em viagens internacionais o custo para despachar bagagem é cobrado em Euro ou Dólar. Além disso, ele também varia de acordo com o destino. Em todos os casos, a compra de franquia de bagagem não é reembolsável. Além disso, aquisições com menos de 6 horas de antecedência ao voo são realizadas apenas no aeroporto. 

Veja na tabela a seguir os custos para despachar bagagem na Azul:

Confira outros conteúdos sobre viagem: 

Gol

Antes da mudança nas regras da franquia de malas de porão era possível despachar bagagem ao adquirir bilhetes com a tarifa Promo. Entretanto, hoje a Gol só oferece esse serviço gratuitamente para quem compra passagens Plus ou Max. Por outro lado, a companhia trabalha com preços fixos. Ou seja, você pode contratar a franquia por um único valor, independentemente do trecho escolhido. 

Mas os custos mudam de acordo com o canal por onde foi realizada a compra e também com a quantidade de malas. Além disso, para passageiros viajando com crianças de até 2 anos, a companhia permite que sejam despachados gratuitamente 1 carrinho de bebê e 01 cadeirinha de automóvel ou 01 bebê-conforto por criança. 

Essa regra é aplicável apenas em voos nacionais. Por fim, no site da Gol os passageiros encontram um simulador. Com essa ferramenta você consegue saber quais tarifas e clientes tem direito a despachar bagagem gratuitamente. Confira na tabela abaixo os custos para esse serviço na companhia. 

No site da Gol a companhia também deixa claro quais são os custos para excesso de bagagem. Contudo, cada cliente pode comprar até 200kg como excesso, desde que cada peça não ultrapasse 45kg.  

Latam

Por fim, a Latam é a empresa cujas regras para despachar bagagem são mais complicadas. Para começar, a franquia de malas muda de acordo com a origem e destino do voo, tarifa escolhida e forma de pagamento (dinheiro ou pontos). Da mesma forma, os custos para contratar esse serviço mudam de acordo com a temporada da viagem, rota e antecedência da compra.  

Custo para despachar bagagem na Latam
Custo para despachar bagagem na Latam

Contudo, a companhia trouxe duas novidades para os seus clientes. A primeira delas é a possibilidade de adquirir uma bagagem de porão no fluxo da compra das passagens aéreas. Além disso, a empresa agora oferece a possibilidade de despachar malas de 15 kg por um valor inferior.

Hacks para economizar ao despachar bagagem

Até aqui falamos sobre as regras para despachar bagagem nas companhias nacionais. Mas, é claro que existem outras formas de conseguir esse benefício pagando menos ou quem sabe gratuitamente. Por isso, selecionamos aqui alguns hacks para você levar malas de porão na sua próxima viagem. 

Compre tarifa com bagagem inclusa 

Nas companhias aéreas os bilhetes são vendidos de acordo com duas ou mais categorias de tarifas. Muitas pessoas encaram essa característica apenas pelo custo. Mas, tarifas teoricamente mais caras podem ser mais vantajosas quando se trata de despachar bagagem. Para exemplificar, suponha que você vai fazer uma viagem de São Paulo para Florianópolis com a Latam. 

Na companhia, as tarifas Plus e Top contam com 1 mala de 23kg despachada. Ao optar pela tarifa Light, que não tem franquia de bagagem, você vai pagar R$ 685,00, ida e volta. De acordo com relato, o custo médio para adquirir um volume de 23kg em viagens nacionais na Latam fica em média R$ 75,00 por trecho.

Ou seja, o preço final da sua passagem seria de R$ 835,00. Agora suponha que ao invés da tarifa Light, você escolheu a Plus que já inclui uma mala de 23kg. Nesse caso o seu voo sairia por R$ 823,28, ida e volta. Uma economia de R$ 11,72. A gente sabe que é pouco. Mas, o que queremos mostrar aqui é que nem sempre, comprar a bagagem separadamente é a melhor escolha.

Benefícios da tarifa Plus Latam
Benefícios da tarifa Plus Latam

Além disso, ao optar por uma tarifa mais cara, despachar bagagem não é o único benefício garantido. No nosso exemplo, ao selecionar a tarifa Plus da Latam o passageiro tem direito a outras vantagens, como seleção gratuita de assento, reembolso de 40% antes do voo e alterações gratuitas. 

Participe do programa de fidelidade da companhia

Como sempre falamos aqui, participar de programas de fidelidade garante muitos benefícios, inclusive o de despachar bagagem gratuitamente. Geralmente, essa é uma vantagem oferecida aos clientes das categorias de elite. Ou seja, mais um incentivo para você participar ativamente dessas plataformas. Confira, a seguir, como esse privilégio funciona. 

DESCUBRA COMO DESPACHAR BAGAGEM GRATUITAMENTE NOS PROGRAMAS DE FIDELIDADE

TudoAzul

  • Topázio: clientes dessa categoria tem direito a uma bagagem de 23kg gratuita em voos domésticos, independentemente da tarifa; 
  • Safira: 2 malas de 23kg em viagens nacionais em qualquer tarifa; 
  • Diamante: por fim, os clientes Diamante podem levar até 3 bagagens de porão de forma gratuita em voos nacionais. Não importa a tarifa. 
Veja outros artigos que podem lhe interessar:

LATAM Pass

  • Platinum, Black e Black Signature: os clientes dessas categorias podem levar uma mala de 23kg em voos dentro do Brasil e da Colômbia, gratuitamente, independente da tarifa escolhida.

Smiles

  • Smiles Prata: os clientes dessa categoria contam com uma mala de 23kg em voos domésticos nas tarifas Light, Promo e Plus. Nas tarifas Max e Premium Economy cada cliente pode levar 2 bagagens de porão gratuitamente; 
  • Categoria Ouro: da mesma forma, esses participantes podem despachar até duas malas de 23kg gratuitamente, em qualquer tarifa; 
  • Smiles Diamante: por fim, quem tem status Diamante no programa Smiles pode levar até três bagagens de 23kg de forma gratuita, independente da tarifa escolhida. 

Use cartões de crédito que oferecem despacho de bagagem gratuito

A nossa terceira dica para economizar ao despachar bagagem é ter um cartão de crédito que ofereça esse benefício. Essa é uma vantagem que geralmente encontramos em cartões co-branded. Ou seja, plásticos produzidos em parceria com uma empresa “X” e uma instituição financeira.

Assim, os cartões Gol Smiles nas versões Platinum e Infinite oferecem uma bagagem de 23kg despachada gratuitamente. Da mesma forma, o TudoAzul Itaucard nas variantes Gold, Platinum e Infinite permitem que os seus usuários levem até 3 malas de porão em voos da companhia sem nenhum custo. 

Quem usa um cartão Gol Smiles ou TudoAzul Itaucard pode despachar bagagem gratuitamente

Despachar bagagem é em muitas situações uma necessidade. Assim, se você precisar levar malas extras, analise todas as opções disponíveis e a real necessidade de uma franquia maior. Dessa forma, há uma garantia de que está contratando esse serviço pelo menor custo possível. 

E se você quer aprender estratégias para despachar bagagem gratuitamente, sem se preocupar com as regras, você precisa conhecer o Close Friends do Império.  Em nosso grupo exclusivo você vai aprender a ganhar dinheiro e ter acesso a diversas experiências de viagem sem pagar nada!

Clique no banner abaixo e faça parte .

Will Bank ainda é confiável em 2024? As melhores ilhas da Bahia para conhecer em 2024 Lagoa da Pampulha: Conheça o cartão postal de BH TOP 7 melhores bares do mundo