Cadastro positivo: descubra o seu novo aliado

Cadastro positivo
Descubra o cadastro positivo

Se você já tentou conseguir um cartão de crédito com um limite maior, mais benefícios, melhor acúmulo de pontos sabe que nem sempre é fácil alcançar esse objetivo. Entretanto, nada é impossível e existem algumas atitudes que você pode tomar como por exemplo, ter um bom relacionamento com o banco, pagar as contas em dia e ter um cadastro positivo. 

Aliás, o cadastro positivo promete ser um forte aliado para quem quer ter um cartão melhor ou conseguir algum tipo de crédito no mercado. Então, se você nunca ouviu falar sobre ou não sabe muito bem como funciona este post é para você. Vamos explicar tudo sobre essa novidade. 

Venha com a gente! 

O que cadastro positivo e como funciona? 

O cadastro positivo ainda é uma novidade no Brasil, mas em países desenvolvidos como Estados Unidos, China, Alemanha e Inglaterra ele já é utilizado há algum tempo. Assim, esse mecanismo serve como um histórico do seu comportamento consumidor. Ou seja, reúne informações financeiras levando em conta a sua pontualidade e conduta como pagador. 

Funciona da seguinte maneira, sempre que você quita um empréstimo sem atrasar parcelas, paga a fatura do cartão de crédito e contas como água, luz e internet em dia você soma pontos ao seu favor e o contrário também acontece. Além disso, outros fatores como tempo de trabalho, idade e quantidade de créditos solicitados são levados em conta na pontuação. 

Essas informações são coletadas pelos birôs de crédito, são eles: Serasa Experian, SPC Brasil, Boa Vista SCPC e Quod. Na primeira etapa esses dados foram fornecidos por bancos e grandes varejistas, mas no futuro outras contas de consumo farão parte do cadastro. A intenção é que esse material possa ser consultado por lojistas, instituições financeiras e qualquer pessoa que contrate os serviços dessas empresas. 

Como fazer o cadastro positivo? 

O cadastro foi criado em 2011 e está ativo desde 2013. Entretanto, adesão durante esse período sempre foi muito pequena. Assim, este ano a participação passou a ser automática. Ou seja, todo brasileiro que possui CPF já tem uma conta no cadastro positivo. Você pode consultar a sua situação em um dos quatro birôs de crédito autorizados pelo Banco Central. 

Como consultar o cadastro positivo no Serasa
Como consultar o cadastro positivo no Serasa

Para ter acesso ao seu cadastro você precisa criar uma conta em uma das empresas. Geralmente são solicitadas informações como o nome da mãe, data de nascimento, fotos do RG, selfie, entre outros. Além de conferir a sua situação você consegue ver quais empresas consultaram o seu arquivo. Apesar da adesão ser automática é possível cancelar a sua inscrição. 

Validando o seu cadastro
Validando o seu cadastro

O cancelamento pode ser feito diretamente no site em que você tem conta e todos os seus dados vão ser excluídos da base. Mas, atenção! Embora seja possível cancelar a sua inscrição no cadastro positivo, não recomendamos que isso seja feito, pois esse mecanismo pode ser o seu aliado na obtenção de crédito. 

Quais as vantagens de estar inscrito no programa? 

Você deve estar se perguntando: qual é a vantagem de ter um cadastro positivo? Todas! Para começar a intenção deste programa é oferecer as empresas informações mais detalhadas em relação ao seu comportamento financeiro. Geralmente quando vamos solicitar um empréstimo pessoal ou mesmo um cartão de crédito a instituição financeira olha o nosso cadastro negativo. 

Ou seja, ela procura saber se estamos negativados ou não. Mas, nem sempre o “nome limpo na praça” é certeza de que vamos conseguir o que desejamos. Além disso, existem casos em que uma pessoa acaba se prejudicando por emprestar o nome a terceiros. Resumindo, uma avaliação com base apenas no cadastro negativo é muito genérica. 

Assim, o cadastro positivo funciona como um currículo, pois registra toda a sua conduta financeira. Dessa forma, além de conseguir provar que você é um bom pagador esse histórico permite que a avaliação de crédito seja mais detalhada. Isto quer dizer que, o banco, por exemplo, terá um fundamento para oferecer taxas de juros mais adequadas ao seu perfil. 

Como o cadastro positivo pode ajudar a conseguir cartões de alta renda? 

Agora que você já entendeu como funciona o cadastro positivo e porque ele é importante vamos falar de quais formas ele pode ajudar você a conseguir um cartão de crédito melhor. Muitas pessoas pensam que só tem acesso a esse tipo de produto quem ganha altos salários, mas isso não é verdade. Nós inclusive já ensinamos aqui no blog como conseguir um plástico de alta renda. 

Inclusive, citamos a importância de ter uma boa pontuação junto aos órgãos como SPC e Serasa. Acontece que o mundo financeiro tem passado por várias transformações nos últimos anos e é claro que a análise de crédito seria afetada por essas mudanças. Isto quer dizer que, atualmente o seu histórico como consumidor é, em muitos casos, mais importante que a sua renda mensal. 

Assim, contar com um cadastro positivo rico em informações sobre o seu bom comportamento será muito útil na hora de negociar com o gerente do seu banco um cartão de alta renda. Com esses dados você consegue demonstrar que além de ter um nome limpo oferece baixo — ou mesmo zero — risco de inadimplência para instituição. Em alguns casos, o histórico serve também como comprovação de renda. 

Conclusão

O Brasil ainda é um país onde boa parte da população tem pouca informação financeira. Quando falamos de consulta a órgão protetores de crédito a situação se complica ainda mais, pois estão acostumados a ver essas empresas com “delatores”. Entretanto, o cadastro positivo veio para mudar a nossa percepção com relação ao comportamento de consumo. 

Neste post aprendemos o que é cadastro positivo, como ele funciona e como pode ajudar você a conseguir cartões de crédito de alta renda. Esperamos que você possa usar essas informações para obter serviços financeiros mais adequados ao seu perfil. Aproveite as oportunidades. 

Curtiu este artigo? Confira outros posts que podem interessar: