Acelerador de pontos: vale a pena pagar para acumular mais?

Descubra se o acelerador de pontos do Itaú vale a pena

Usar o cartão de crédito é uma das estratégias utilizadas por quem deseja acumular milhas. Assim, quanto mais pontos o plástico oferece, melhor. O grande problema é que, nem sempre, é fácil ter acesso a esses produtos. Seja por conta da renda ou porque é um cartão exclusivo. Nesse sentido, o acelerador de pontos do Itaú pode ser uma alternativa. 

Os usuários de cartões Itaú podem acumular mais no plástico aderindo ao acelerador de pontos. Mas será que vale a pena pagar uma taxa extra para gerar mais milhas? Para responder essa pergunta temos que analisar o serviço. Por isso, neste post você confere um estudo completo sobre a assinatura e a nossa opinião. 

Quer descobrir se o acelerador de pontos Itaú é um serviço interessante? Então, vem com a gente!

O que é o acelerador de pontos? 

O nome já explica qual é a função deste serviço. Basicamente, com o acelerador de pontos os clientes Itaú podem dobrar a quantidade de milhas acumuladas no cartão a cada dólar gasto. Atualmente o serviço está disponível para correntistas e não correntistas, desde que tenham um dos plásticos elegíveis. 

Boa parte dos cartões participantes do programa são produtos com a bandeira Mastercard. Assim, o serviço é oferecido nas variantes Internacional, Gold, Platinum e Black. Além disso, que tem um plástico co-branded TudoAzul ou LATAM Pass, também pode aderir ao acelerador. 

Veja mais:

Como funciona o acelerador de pontos Itaú?

O programa permite que os participantes pontuem em dobro a cada dólar gasto. Entretanto, esse serviço tem um custo que varia de 1% a 2,5% do valor total de cada fatura. Por exemplo, se você gastou R$ 2.000,00 num mês, e o seu acelerador custa 2%, isso significa que assinatura naque período lhe custou R$ 40,00. 

Para participar é muito simples. Primeiramente o cliente deve acessar o aplicativo do Itaú e selecionar a opção “Acelerador de Pontos”. Em seguida, é necessário escolher qual cartão terá a pontuação dobrada. Assim, o participante precisa confirmar a porcentagem que será cobrada. Dessa maneira, todas as faturas em aberto vão ter os pontos multiplicados. Por fim, o participante deve informar a senha para concluir a contratação. 

Confira os custos em cada cartão participante: 

Itaucard Internacional

  • Sem acelerador = 1 ponto a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 2 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 1% sobre o total da fatura

Itaucard Gold

  • Sem acelerador = 1 ponto a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 2 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 1% sobre o total da fatura

Itaucard Platinum

  • Sem acelerador = 1,5 ponto a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 3 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2% sobre o total da fatura

Itaucard Uniclass Black

  • Sem acelerador = 1,8 ponto a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 3,6 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2,5% sobre o total da fatura

Itaucard Black Personnalité

  • Sem acelerador = 2 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 4 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2,5% sobre o total da fatura

Latam Pass Itaú Internacional

  • Sem acelerador = 1,3 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 2,6 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2.5% sobre o total da fatura

Latam Pass Itaú Gold

  • Sem acelerador = 1,6 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 3,2 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2.5% sobre o total da fatura

Latam Pass Itaú Platinum

  • Sem acelerador = 2 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 4 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento = 2.5% sobre o total da fatura

Latam Pass Itaú Uniclass Black

  • Sem acelerador = 2,5 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 5 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento =2,05% sobre o total da fatura

Latam Pass Itaú Black Personnalité

  • Sem acelerador = 2,5 pontos a cada dólar gasto
  • Com acelerador = 5 pontos a cada dólar gasto
  • Taxa de pagamento =2,05% sobre o total da fatura

Vale a pena usar o programa?

Acumular mais pontos no cartão de crédito certamente pode nos ajudar a resgatar mais viagens utilizando milhas. Entretanto, sempre que o ganho deste benefício envolve um custo extra além do que já temos, é necessário avaliar com mais cuidado. Vale lembrar que, a maioria dos plásticos que oferecem pontos cobra anuidade. 

Assim, para descobrir se esse serviço vale a pena, vamos simular uma situação em que o contratamos . Escolhemos o cartão Itaú Uniclass Platinum com bandeira Mastercard. Esse produto, acumula 1,5 pontos a cada dólar gasto. Contudo, sua anuidade custa R$ 570,00 e a renda mínima necessária é R$ 4.000,00. 

Acelerador de pontos vale a pena?
Acelerador de pontos vale a pena?

A taxa cobrada pelo acelerador de pontos neste cartão é de 2%. Então, suponha que, os seus gastos no cartão durante o mês foram de R$ 4.000,00. Assim, sem o serviço e considerando o dólar a R$ 4,90 você acumularia 1.224 pontos. Entretanto, com o programa essa quantidade dobrou, ou seja, você recebeu 2.448 pontos.

Até aqui tudo certo. Mas, falta a segunda parte dessa conta. Para acumular o dobro de pontos você terá que pagar 2% sobre o valor total da fatura que nesse caso foi R$ 4.000,00. Assim, os 1.224 pontos a mais, custaram R$ 80,00. Ou seja, o custo do milheiro no acelerador de pontos foi R$ 65,00.

Veja também:

Vale a pena? Não! Tudo bem que R$ 65,00 é mais barato que o preço padrão de compra de pontos — que é R$ 70,00. Entretanto, você já deve saber que não vale a pena realizar esse tipo de operação com o valor cheio. Logo, R$ 5,00 de desconto não é um bom negócio. 

Nos programas de fidelidade das companhias aéreas e dos próprios bancos, acontecem, com certa frequência, promoções de compra de pontos. Nessas ocasiões os participantes conseguem adquirir esse benefício com até 70% de desconto, o milheiro passa a custar em torno de R$ 42,00 a R$ 21,00. 

TudoAzul 

Embora, por vias gerais o acelerador de pontos do Itaú não seja uma opção interessante, existem exceções. Como falamos anteriormente, os cartões TudoAzul, emitidos em parceira com o banco, também podem aderir a esse serviço. Assim, em algumas ocasiões, a instituição realiza promoções para a adesão deste serviço. 

Nessas ocasiões os clientes podem triplicar a quantidade de pontos acumulados no plástico. A porcentagem do acelerador nesses produtos varia de 2% a 2,5%, contudo, eles acumulam mais milhas que um cartão tradicional. Assim, só para exemplificar, imagine uma pessoa que tem o Azul Platinum. 

Esse cartão acumula 3,3 pontos por dólar em compras nacionais. Assim, em uma promoção de pontos triplicados com o acelerador, o usuário receberia 9,9 milhas por dólar gasto e pagaria 2,5% sobre o valor da fatura. Então, vamos supor que ele teve uma despesa de R$ 4.000,00 no plástico. 

Dessa forma, considerando o dólar a R$ 4,90, ele acumularia normalmente 2.693 pontos. Entretanto, com a promoção do acelerador, ele recebeu 8.081 milhas. O custo do acelerador de pontos foi R$ 100,00. Assim, levando em conta que o programa deu a ele 5.388 extras, podemos dizer que o valor do milheiro foi R$ 18,55. 

Nesse cenário, aderir ao acelerador de pontos vale muito a pena. Pois, além de triplicar as milhas acumuladas durante o mês o participante pagou um valor muito interessante pelo milheiro. Podendo inclusive, ter um excelente lucro com a comercialização desses pontos. 

Como multiplicar suas milhas sem o acelerador de pontos do Itaú?

Multiplicar as milhas é uma busca constante de quem deseja viajar mais. Mas, isso não quer dizer que você precisa pagar caro por um acelerador de pontos. Felizmente, existem no mercado uma variedade de cartões de crédito com excelente pontuação e com as estratégias certas é possível turbinar a sua conta no programa de fidelidade. 

Pensando nisso, nós elaboramos o TOP 10 Melhores Cartões do Império. Neste e-book fizemos uma seleção dos produtos mais interessantes do mercado, para quem deseja multiplicar as milhas, ter acesso gratuito as salas vip, entre outros benefícios. Além disso, você vai aprender como conseguir um cartão de alta renda. 

Clique no banner abaixo e faça o download gratuito.