10 destinos para curtir o inverno no Brasil

viagens de inverno
Conheça 10 destinos para visitar durante o inverno no Brasil

O inverno já começou aqui no Brasil. Assim o roteiro de viagem muda um pouco. As cidades do interior, perto de montanhas e de clima mais frio passam a ser mais procuradas pelos viajantes. A época também é boa para passeios gastronômicos. Afinal, não há nada melhor do que tomar um vinho ou comer um belo fondue para se aquecer. 

Assim, se você pensa em aproveitar o inverno para viajar, está no lugar certo! Pois, neste post, fizemos uma seleção de 10 destinos para quem deseja curtir essa estação. Tem roteiro para famílias, viagens a dois e até para quem é fã de aventuras. Ficou curioso(a)? 

Então, venha com a gente! 

Inverno é alta temporada?

No verão as pessoas já esperam por preços mais altos tanto em passagem, hospedagem quanto nos custos durante a viagem. Entretanto, muitos se surpreendem ao descobrir que no inverno os preços desses itens também podem subir. Então, antes de apresentarmos os destinos escolhidos, vamos esclarecer uma coisa. 

Sim, o inverno também pode ser considerado alta temporada. Principalmente no mês de julho, quando as escolas dão as férias do meio do ano. Nessa época, muitas famílias aproveitam para tirar férias. Algumas, vão curtir o verão na Europa e Estados Unidos, outras, aproveitam para fazer um passeio diferente. 

Nessas ocasiões, é comum a procura por destinos de inverno aumentar. Consequentemente, os preços de passagem aérea, hospedagem e passeios ficam mais caros. Assim, uma boa dica é pesquisar com antecedência para aproveitar as promoções. Da mesma forma, evite os finais de semana e, se possível, evite o mês de julho. Escolha datas no final de junho e início de agosto. 

Onde aproveitar o inverno?

Embora o Brasil seja conhecido como um país tropical, por aqui também encontramos destinos para quem curte o friozinho. Alguns lugares como Gramado e Canela, por exemplo, são bem requisitados nessa época do ano. Por isso, na nossa seleção optamos por cidades que talvez você ainda não conheça e que também são incríveis para curtir o inverno. Confira!   

1. Monte Verde – MG

Localizada na Serra da Mantiqueira, a cidade de Monte Verde nasceu de uma história de amor. O lugar foi destino de lua de mel de um casal de imigrantes da Letônia. Verner e Emilia Grinberg gostaram tanto do clima da região que pouco tempo depois decidiram se mudar para lá, dando início ao distrito de Camanducaia. 

Hoje, Monte Verde é um lugar que atrai muitos casais em busca de aproveitar o inverno da serra. Perto da divisa entre Minas Gerais e São Paulo, a cidade também é destino de muitos paulistas nos finais de semana e feriados prolongados. Assim, a paisagem de Monte Verde é composta por casas que nos fazem lembrar o norte europeu, montanhas e a boa comida típica mineira. 

Monte Verde
Monte Verde

No mês de julho, acontece por lá o Festival de Inverno de Monte Verde com apresentações de teatro, dança, circo e música. Além disso, na principal avenida da cidade os visitantes encontram restaurantes, lojas e galerias. Assim, os visitantes podem comprar lembranças, chocolates e bebidas artesanais. 

Para quem deseja curtir a natureza mais de perto é possível aproveitar os tours de bike, aliado a um belo piquenique na montanha. Também é possível fazer trilhas para conhecer as diversas montanhas ao redor da cidade, além de escaladas, tirolesa e arvorismo no Circuito de Aventura Fazenda Radical. 

Por fim, quem deseja aproveitar os dias em Monte Verde para namorar, pode optar por uma acomodação mais reservada, no meio da Serra da Mantiqueira. Outros locais interessantes são as cachaçarias, lojas de cervejas artesanais, rodízios de fondue e restaurantes de comida mineira. 

2. Campos do Jordão – SP

A 194 km de São Paulo, Campos do Jordão é figurinha carimbada entre os destinos de inverno no Brasil. Assim, a cidade atrai muitos visitantes em busca dos deliciosos fondues. O lugar chama atenção pela arquitetura que lhe rendeu o título de Suíça brasileira. Além disso, a gastronomia é um dos pontos fortes da cidade. 

Campos do Jordão
Campos do Jordão

Campos do Jordão conta com alguns restaurantes premiados. Mas, não é só isso. Quem visita esse destino pode aproveitar atividades ao ar livre como caminhadas, cavalgadas, passeios de Maria Fumaça e teleférico, tem coisa mais romântica? À noite a cidade também é bastante movimentada.

Como nem tudo são flores, Campos do Jordão tem uma desvantagem. Quem está planejando conhecer o lugar deve preparar o bolso. Mesmo em uma viagem para casal, a maior reclamação de quem já visitou a cidade são os preços elevados de hospedagem e restaurantes. Além disso, no inverno os preços tendem a ser ainda maiores. 

3. Bento Gonçalves – RS

Quando pensamos em aproveitar o inverno na Serra Gaúcha, as cidades de Gramado e Canela formam uma combinação incrível e são as primeiras opções que passam em nossa cabeça. Contudo, essa região oferece outros destinos bem legais para quem deseja curtir essa estação. Um deles é Bento Gonçalves. 

Vinícola em Bento Gonçalves
Vinícola em Bento Gonçalves

A duas horas de Porto Alegre, a cidade que fica no Vale dos Vinhedos é conhecida pela produção de vinhos, espumantes, além da boa gastronomia. Marcada pela forte influência italiana, quem visita Bento Gonçalves pode aproveitar para passar por cantinas, vinícolas, cervejarias, fazendas, andar de Maria Fumaça e muito mais. 

4. Chapada Diamantina – BA

A gente está acostumado a ver muitos destinos no Nordeste quando o assunto são praias e férias de verão. Contudo, alguns lugares também são uma boa pedida para o inverno. Um deles é o Parque Nacional da Chapada Diamantina. Com mais de 38 mil km² de natureza, esse lugar abriga morros, chapadões, cachoeiras, grutas e paisagens de tirar o fôlego. 

Quem visita a Chapada pode escolher se hospedar em algumas das cidades do parque. Entre elas, Lençóis, Mucugê, Vale do Capão e Igatu são as mais requisitadas. Apesar de ser um destino bem legal para curtir o inverno, esse é um lugar para quem está em busca de aventuras. 

Morro do Pai Inácio - Chapada Diamantina
Morro do Pai Inácio – Chapada Diamantina

Uma viagem para chapada é marcada por muitas trilhas, caminhadas, além de banhos de cachoeira e rio. Assim, chegando lá, não deixe de visitar o Morro do Pai Inácio, a Cachoeira da Fumaça, as piscinas naturais de Serrano, o Poço Azul e o Poço Encantado e relaxar no lago da Pratinha. Ahh, vale muito a pena provar a culinária dessa região da Bahia. 

5. Urubici – SC

A 170 km de Florianópolis, na Serra do Rio do Rastro está a cidade de Urubici. O destino é ideal para quem deseja conhecer um outro lado do Brasil, cercado de araucárias, montanhas e cânions. Assim, um dos símbolos deste destino é a Pedra Furada. Para ver o furo com mais de 30 metros de circunferência os visitantes precisam se dedicar a uma caminhada com escalada em alguns pontos. 

Pedra Furada - Urubici  -  Fonte: Pisa Tur
Pedra Furada – Urubici – Fonte: Pisa Tur

Outros pontos interessantes dessa região são o Morro Campestre e o Cânion Laranjeiras. Em Urubici também encontramos algumas quedas d’água. Entre elas, a Cachoeira da Avencal é a maior com 100 metros de altura. Além das belezas naturais, a cidade oferece aos visitantes a oportunidade de provar alguns quitutes catarinenses como por exemplo, o queijo serrano, o mel de Bracatinga e os vinhos de altitude. 

6. Petrópolis – RJ

Durante o período imperial, Petrópolis era um dos pousos da família real portuguesa. Por esse motivo, o destino oferece um rico acervo histórico e cultural, além de um clima bem gostoso. A apenas uma hora de distância do Rio de Janeiro, a cidade conta com vários casarões, palácios e museus. 

Assim, durante a sua visita a Petrópolis programe-se para conhecer o Palácio de Cristal, o Museu Imperial, a Casa de Santos Dumont e o Palácio da Quitandinha. Um passeio até o Parque Nacional da Serra dos Órgãos é certamente imperdível. Por lá os visitantes podem aproveitar as cachoeiras. 

Petrópolis
Petrópolis

Para quem curte trilhas, a caminhada até o cume do Morro do Açu nos presenteia com a vista da Baía de Guanabara e o Dedo de Deus. Petrópolis também é um destino para fazer compras. As ruas Teresa e 16 de Março contam com várias lojinhas para quem deseja comprar roupas com bom preço. Já na Feirinha de Itaipava os visitantes encontram bolsas, sapatos, acessórios e até móveis. 

7. Gravatá – PE

Conhecida como a Suíça Pernambucana, a cidade de Gravatá ganhou esse apelido justamente pelas temperaturas amenas durante o inverno. A 50 km de Caruaru e a 82 km de Recife, esse é um destino muito procurado por quem curte esportes radicais e atividades ligadas à natureza. Mas, há também opções de roteiros históricos culturais e gastronômicos. 

Para começar, você pode visitar o centro da cidade e conhecer a Igreja Matriz de Santana, fundada em 1940. Aproveite para passar pelos casarões antigos que ainda existem por lá. Bem pertinho dali, está o Mercado Municipal de Gravatá. O local foi transformado em um centro gastronômico e é possível provar pratos típicos de Pernambuco. 

Gravatá
Gravatá

Ainda na cidade, o Memorial de Gravatá é um pequeno museu com objetos de antigos moradores. Curiosamente, nesse local funcionava uma cadeia. A cidade também é conhecida pela produção de objetos artesanais. Assim, os visitantes podem aproveitar para conhecer o Polo Moveleiro e fazer algumas compras. 

Para quem curte esportes radicais, a trilha da estrada de ferro e o rappel na Ponte Cascavel são passeios imperdíveis. Da mesma forma, o Parque de Aventura Karawa Tã oferece atividades como arvorismo, escalada, trilhas e pistas de bike. Quem visita Gravatá pode aproveitar para ficar hospedado em um dos hotéis fazenda da cidade. 

Por fim, quem vai a Gravatá no inverno não pode deixar de conhecer os restaurantes de fondue e massas. Por lá, alguns dos locais mais recomendados são o La Fondue Unique, o Ristorante Antonieta e a Taverna Suíça. Além disso, no centro da cidade e no Polo Moveleiro os visitantes encontram cafés com boas opções para aquecer os dias frios. 

8. Domingos Martins – ES

Na região das Montanhas Capixabas, a 42 km de Vitória, está a cidade de Domingos Martins. O lugar atrai muitos visitantes por conta do seu clima ameno e da cultura com influências alemã e italiana. Assim, o destino é uma boa pedida tanto para viagens românticas quanto para quem gosta de aventuras. 

Parque Estadual de Pedra Azul - Domingos Martins
Parque Estadual de Pedra Azul – Domingos Martins

Em Domingos Martins os turistas podem aproveitar para conhecer produtores de cafés, licores, queijos, além de plantações de morango. Além disso, a cidade conta com excelentes restaurantes de culinária italiana, alemã e francesa. Para quem gosta de atividades em meio a natureza, uma visita ao Parque Estadual de Pedra Azul é indispensável.

9. São Joaquim – SC

Pertinho de Urubici, na Serra Catarinense, está São Joaquim. Conhecida como a cidade mais fria do Brasil, quem visita esse lugar durante o inverno tem muitas expectativas para ver a neve. Por não ser muito grande, o passeio pela cidade pode ser feito em um ou dois dias. Mas, enquanto estiver por lá, não deixe de conhecer a Vinícola Villa Francioni, o Mirante dos Pinheiros e o parque Snow Valley. 

São Joaquim
São Joaquim

10. Itatiaia – RJ 

A aproximadamente 174 km de distância do Rio de Janeiro, está Itatiaia. A pequena cidade é uma ótima pedida para curtir os dias de inverno com a família. Por lá, os passeios em meio a natureza são a principal pedida. Por isso, prepare-se para trilhas, banhos de cachoeira, rios e mirantes. 

O Parque Nacional do Itatiaia foi inaugurado em 1937 e abriga uma grande variedade de fauna e flora. Além disso, oferece aos visitantes dias de tranquilidade em meio a mata atlântica. O local é dividido em “parte baixa” e “parte alta”. No primeiro estão as trilhas mais fáceis. 

Cachoeira Itaporani - Itatiaia
Cachoeira Itaporani – Itatiaia

É nessa região que fica o Lago Azul, a Piscina Natural do Maromba e as cachoeiras Itaporani, Véu de Noiva e Poranga. Ainda na parte baixa, o Mirante do Adeus é parada obrigatória. Já na parte alta, fica o Pico das Agulhas Negras com mais de 2.795 metros de altitude. Nessa área também se encontra o Pico das Prateleiras e o Circuito dos 5 lagos. 

Viajar pelo Brasil durante o inverno pode ser uma experiência surpreendente. Principalmente para quem nunca aproveitou essa estação para conhecer um pouco mais do nosso país. Assim, que tal usar as dicas deste post para planejar a sua próxima trip? 

Ahh, quer saber o que levar na mala? Então confira estes conteúdos que nós separamos para você: