O que é cashback? Um guia completo sobre esse benefício

o que é cashback
O que é cashback?

Já parou para observar que hoje a grande maioria das empresas estão sempre oferecendo um bônus para estimular a compra? Pode ser um desconto, frete grátis, brindes, pontos em algum programa de fidelidade e até mesmo dinheiro de volta. Inclusive, esta última opção tem ganhando cada vez mais espaço tanto no comércio virtual quanto em lojas físicas. Mas, você sabe o que é cashback? 

Essa palavra tem sido cada vez mais presente na vida dos brasileiros. Contudo, poucos ainda entendem como esse benefício realmente funciona e como aproveitá-lo. Pensando nisso, nós elaboramos este post para que você aprenda de uma vez por todas o que é cashback e de que maneira você pode passar a usar essa ferramenta ao seu favor. 

Preparados? Então venha com a gente! 

Afinal, o que é cashback?

“Cashback” é um termo inglês que traduzido para o nosso idioma significa “dinheiro de volta”. Ou seja, sempre que você compra algum produto em uma empresa que oferece esse benefício parte do valor pago é devolvido. Apesar deste tipo de vantagem ser mais comum nas compras online, hoje já é possível ter dinheiro de volta também em lojas físicas. 

Basicamente, essa é uma estratégia de fidelização do cliente, assim como os programas de pontos e milhas. Há quem pense que esse é um método novo para atrair consumidores. Mas, embora o cashback só tenha ganhado popularidade no Brasil nos últimos dez anos, ele já é bem conhecido em outros países há um bom tempo. 

Para você ter uma ideia, o primeiro programa de dinheiro de volta do mundo foi criado em 1998, nos Estados Unidos pela empresa Ebates, atual Rakuten. No Brasil, o primeiro programa de cashback surgiu em 2007, ou seja, nove anos depois do Ebates e se chamava Compra3. Entretanto, esse tipo de recompensa só começou ter mais destaque por aqui em 2011 com o lançamento do Méliuz. 

Como funciona o cashback? 

O nome já diz tudo. Entretanto, existem alguns detalhes que fazem a diferença na compreensão deste benefício. Bem, para ter acesso ao cashback primeiramente você deve fazer parte de uma plataforma ou ter um cartão que ofereça essa vantagem — nós vamos falar sobre essas empresas mais à frente. 

Depois de fazer o cadastro é preciso conhecer o regulamento do programa e as empresas parceiras para não perder nenhuma oportunidade de cashback em compras futuras. Embora cada plataforma tenha a sua regra para conceder o dinheiro de volta, o funcionamento é basicamente o mesmo. 

Assim, em casos de compra online, antes de fazer a aquisição você deve conferir se o site em que está comprando é parceiro do programa que você participa. Dessa forma, é preciso acessar a loja por meio do link disponível na plataforma. Depois concluída a operação, a empresa tem uma quantidade de dias para fazer o crédito do cashback. 

Em compras físicas tem um funcionamento um pouco diferente. Para conseguir o benefício nessa situação você precisa ter um cartão que ofereça dinheiro de volta ou ser participante de um programa específico da loja. Outro detalhe com relação ao cashback é que cada parceiro decide qual será a porcentagem devolvida e eventualmente pode realizar promoções com um percentual maior.

Cashback e desconto são a mesma coisa? 

Embora o conceito de cashback seja bem definido algumas pessoas podem acabar confundindo esse benefício com os famosos descontos. Esse é um equívoco comum, entretanto existem diferenças entre o dinheiro de volta e o abatimento no valor de uma compra. Para começar, o cashback é geralmente oferecido em uma plataforma especializada nesse tipo de serviço. 

Já o desconto é um benefício proporcionado diretamente pela loja. Além disso, quando você realiza uma compra com cashback você paga o valor integral pelo produto e a porcentagem de dinheiro de volta só é recebida alguns dias após a compra. Enquanto que o abatimento do preço é feito no ato do pagamento. 

Geralmente, o desconto é exclusivo para um produto, contudo o dinheiro de volta se aplica ao total da sua compra. Não importa se você adquiriu um ou dez itens. Por fim, a compra com cashback não exclui a possibilidade de obter um abatimento no o valor do produto. Inclusive, algumas plataformas de reembolso também oferecem cupons de desconto. 

De onde vem o cashback? 

Os mais velhos costumam dizer que “dinheiro não nasce em árvore”, o que é a mais pura verdade. Então, é bem provável que a essa altura você esteja se perguntando de onde vem o cashback? Afinal, esse benefício não é como o desconto, em que a empresa deixa de cobrar uma parte do valor, muito pelo contrário, parte do que você pagou é devolvido. 

Então, de onde vem esse dinheiro? Como já sabemos, ele não surge do nada e nem as empresas o devolvem por pura bondade. O que acontece é que as plataformas de cashback são uma grande vitrine para as lojas. Funciona assim, várias marcas fecham parceria com os programas e concordam em pagar um valor por essa divulgação. 

Dessa forma, os programas de cashback anunciam as lojas parceiras e divide com os consumidores parte do valor cobrado pela divulgação. Em outras palavras, essas plataformas usam o dinheiro de volta como chamariz para que nós possamos comprar os produtos de determinada marca. 

Uma isca para enganar os consumidores e ganhar dinheiro com publicidade? Bem, é um direito seu pensar dessa forma. Por aqui, nós gostamos de pensar que é uma maneira de economizar. Afinal, depois que recebemos o cashback ele pode ser usado para comprar outros produtos. Resumindo, um acordo justo entre as duas partes. 

Em que tipo de compra posso conseguir o cashback? 

O cashback é um benefício que você pode conseguir em praticamente todo tipo de compra. Desde roupas, eletrônicos, eletrodomésticos, viagens, compras de supermercado até o cafezinho. O céu é o limite! Tudo depende das parcerias que o programa em que você participa tem e o quão empenhado você está nessa missão. 

Para aproveitar ao máximo esse tipo de benefício a nossa dica é. Antes de realizar qualquer compra, principalmente em e-commerces verifique se a loja não é parceira do programa de cashback. Análise também a possibilidade de realizar a aquisição em um site vinculado a plataforma de dinheiro de volta. É claro que para tomar essa decisão você deve levar em conta o preço do item e valor do frete.

Por outro lado, quem tem um cartão que oferece o cashback pode acumular esse benefício em praticamente todas as compras. Geralmente esse tipo de plástico oferece uma porcentagem extra de reembolso para as lojas parceiras e um percentual menor para as aquisições em estabelecimentos físicos e virtuais que não estão vinculados ao programa. 

Como posso usar o dinheiro que ganhei com cashback? 

Essa é uma parte muito importante de todo o processo. Melhor dizendo, esse é o objetivo de participar de um programa de cashback, poder usar o dinheiro de volta para fazer outras coisas. Bem, a forma como você vai poder dispor desse montante vai depender da plataforma que você está participando. 

Alguns programas permitem que o cashback seja transferido para a sua conta corrente quando você atinge um determinado valor. Mas, também existem empresas que não permitem essa transferência e todo o dinheiro recebido de volta só pode ser usado para novas compras dentro da plataforma. 

O que não é o fim do mundo, pois, em alguns casos esses valores podem ser usados até para pagar contas de água, luz, internet, etc. Mas, não podemos negar que limita um pouco as opções de uso do dinheiro. Por fim, alguns cartões permitem que o cashback possa ser utilizado para “apagar” compras ou sejam convertidos em abatimento no custo final da fatura. 

Principais programas de cashback

Agora que você já sabe o que é cashback, como funciona, onde conseguir e o que fazer com o dinheiro acumulado, chegou a hora de conhecer os principais programas que oferecem esse tipo de benefício. Separamos aqui, algumas plataformas e cartões que contam com essa vantagem. 

Méliuz

Criado em 2011 o Méliuz é uma das principais plataformas de cashback do Brasil. O programa oferece dinheiro de volta e cupons de desconto em mais de 3 mil lojas de 12 setores diferentes. Para participar, basta fazer o cadastro gratuitamente no site ou aplicativo. 

O Méliuz ainda conta com um cartão de crédito, sem anuidade que oferece até 1,8% de dinheiro de volta nas compras, sejam elas online ou físicas. Acumulando R$ 20,00 de cashback você já pode solicitar a transferência para o seu banco. O programa ainda conta com uma extensão no Google Chrome que avisa ao participante sempre que ele acessa um e-commerce parceiro. 

Mooba

A plataforma foi desenvolvida pela empresa Reclame Aqui. Ou seja, quem participa do Mooba pode esperar que as empresas parceiras são as mais bem avaliadas do mercado brasileiro. Assim, o programa oferece dinheiro de volta em várias lojas online. Da mesma forma, é possível solicitar o cartão de crédito do programa.

Com o cartão de crédito Mooba você pode acumular 1% de cashback em compras nacionais, internacionais, online ou física. O programa também permite que o reembolso recebido seja transferido para uma conta corrente a partir de R$ 30,00. Por fim, a plataforma também oferece um plugin que avisa sempre que você visitar um site parceiro. 

Ame Digital

O Ame foi desenvolvido pela empresa de tecnologia B2W Digital. Inicialmente, essa plataforma oferecia cashback apenas para as compras realizadas nas lojas Americanas.com, Submarino, Shoptime e Sou Barato. Contudo, com a popularidade deste benefício o programa aumentou o número de parceiros do seu catálogo. 

Apesar de ser um programa voltado para o ganho de cashback em compras, o Ame Digital oferece aos seus usuários outras funcionalidades como o pagamento de contas, transferências, vendas e assinaturas de serviços como Uber, Spotify, recarga de celular e transporte público. 

Infelizmente, o cashback acumulado no Ame não pode ser transferido para conta corrente. Ou seja, você pode utilizá-lo apenas para aquisição de produtos em parceiros do programa, pagamento de contas e assinaturas. Para participar, basta fazer o cadastro gratuitamente no site ou aplicativo. 

Beblue

O Beblue tem uma dinâmica parecida com o do Ame. Ou seja, além de ser uma plataforma que oferece cashback, ela funciona como carteira digital. Assim, é possível depositar dinheiro nessa conta, transferir para amigos e acumular dinheiro de volta nas compras. Para se cadastrar no programa é bem fácil, basta acessar fazer o download do aplicativo. 

Embora o aplicativo diga que é gratuito, há uma cobrança de R$ 1,99 para “validação de dados cadastrais”. Entretanto, esse valor é descontado do seu saldo de cashback. Um diferencial do Beblue é que esse é um programa para ser usado de forma local. Ou seja, em estabelecimentos credenciados na sua região. 

Ou seja, diferente das plataformas que vimos até agora, o Beblue não oferece cashback em grandes marcas. O que acaba sendo uma desvantagem do programa. Vale ressaltar que a dificuldade de encontrar estabelecimentos parceiros na maioria das cidades é a grande reclamação dos usuários dessa ferramenta. Já o cashback acumulado pode ser usado para compras e transferências para amigos. 

PicPay

O PicPay é um aplicativo de pagamento. Ele veio para descomplicar e facilitar o acesso de muitas pessoas a certos tipos de transações financeiras. Com essa ferramenta você pode fazer pagamentos de contas de água, luz, telefone, internet, entre outros, transferências, recarga de celular, assinatura de serviços de streaming, transporte e delivery e ainda cobrar os seus amigos por QR Code e link compartilhável. 

Além disso, o PicPay é parceiro de várias empresas e frequentemente realiza promoções que oferecem uma porcentagem de cashback. Entretanto, esse dinheiro de volta não pode ser transferido para conta bancária. Ele deve ser usado no pagamento de contas, boleto e aquisição de produtos por meio do app. 

Eai, aprendeu o que é cashback? Esse benefício chegou para ficar no mercado brasileiro. Como vimos neste post existem várias formas de conseguir dinheiro de volta e muitos programas para nos ajudar nessa missão. Então, escolha uma — ou quem sabe duas — plataformas, faça o seu cadastro e não deixe de aproveitar esse benefício na sua próxima compra. 

Ahh, e se você quiser aprender ainda mais sobre cashback dá uma olhadinha nesses conteúdos que separamos para você!